segunda-feira, 27 de outubro de 2008

"Aula de samba"

Capa do álbum 'Aula de Samba'
Procurando por uns discos de samba, me deparei com esse "Aula de Samba", que se propõe a cantar/contar a História do Brasil através de alguns sambas-enredo (ou sambas de enredo, se preferir).

O meu nível pessoal de iconoclastia não se deu muito com as letras sobre heróis nacionais, de um ufanismo cego típico daquelas aulinhas de Moral e Cívica - um resquício da ditadura que ainda alcancei.

O pior foi que conseguiram botar Simone para destruir "Aquarela Brasileira", um dos mais belos sambas-enredo já feitos.

Apesar disso, o álbum guarda duas boas surpresas: a interpretação de Lenine para "Onde o Brasil Aprendeu a Liberdade" e de Maria Rita para "Heróis da Liberdade". Valem uma conferida.

Enfim... Vale como curiosidade histórica sobre esse ritmo nacional, já que a seleção contempla um período bastante extenso: de 1949 a 1976.

Mas se é pra falar de História do Brasil, continuo preferindo o "Samba do Crioulo Doido", que é tão surreal quanto esse país. Se não conhece, fica aí a dica.

Um comentário :

Anônimo disse...

Desculpe, mas "Aquarela do Brasil", não é samba-enredo, é samba de exaltação.