sexta-feira, 25 de agosto de 2006

As vacas dos cardeais

Previsão é algo que tem muitas chances de dar errado, mas na brincadeira acertei uma, quando disse em um post anterior que depois do blog do Dirceu só faltava o blog do Jefferson. Pois agora não falta mais.

O Dirceu estreou o dele no dia primeiro de agosto, fiz o post no dia oito e no dia treze estreava o blog do Bob Jeff.

Cheguei a fazer uma pesquisa antes de escrever, mas como não havia achado fiz a piadinha dos trackbacks. Tanto que fiquei surpreso quando vi a mensagem da Pollyana Ferrari, na lista Blogosfera, falando a respeito do blog do presidente do Irã e citando o blog do Jefferson.

O fato é que cheguei a pensar que não passava de um hoax, talvez para cutucar o blog adversário. Mas pelo tom dos posts e pelo WHOIS que identificou uma empresa de Petrópolis como responsável pelo domínio, percebi que o negócio é de verdade, uma vez que a cidade imperial é seu reduto político.

(Nota: Eu ia escrever percebi que o negócio é sério, mas por questões de (in)coerência, resolvi mudar a redação.)

Falando em político, é interessante ler as descrições que os dois fazem de si, em seus respectivos blogs, e comparar os temas das postagens de ambos, que são diametralmente opostos.

Com certeza não escrevi isso daqui para comprovar meus poderes mediúnicos, mas sim para reforçar o que todos sabem sobre a falsa e opaca cena política brasileira, recheada de eminências pardas: tá complicada. Ainda mais quando eles aparentam estar descobrindo agumas possibilidades oferecidas pela internet.

Mas daí a entender de fato o que é a internet, é exigir demais das mentes políticas arraigadas no coronelismo, autoritarismo e nos currais eleitorais e eletrônicos. Eles não compreendem que a internet dá asas ao gado, para poder voar por cima da cerca.

Aliás, vocês sabem porque as vacas não têm asas, não é?

Nenhum comentário :